A primeira cor em Laranja Mecânica2 min read

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

O que falar sobre Laranja Mecânica que ainda não tenha sido amplamente explanado e, principalmente, o que falar sobre Stanley Kubrick que ninguém conheça? Difícil, né?! Mas eu preparei uma “trilogia” de posts para falar sobre as cores de Laranja Mecânica. Você sabe a função da paleta de cores escolhida para esse filme?


O diretor faria 90 anos no último 26-julho e o @MIS_SP (Museu da Imagem e do Som de São Paulo) fez uma mostra de filmes em seu auditório. Particularmente, adoro Laranja Mecânica e não poderia deixar de assistir.
O filme se passa num futuro distópico em Londres e o protagonista é o jovem Alex, sociopata e ultraviolento. Ele lidera uma gangue composta por 4 jovens que passam a noite cometendo inúmeros crimes. A obra é ultraviolenta até mesmo para os dias de hoje, assustadora e cada vez que assisto, imagino o real impacto que causara nos telespectadores dos anos 70 (!).
A cena inicial é esse close sufocante de Alex e depois a câmera vai abrindo para sermos apresentados aos seus droogs (amigos) no bar Korovo. Todos utilizam roupas semelhantes e brancas, o que nos leva a crer que querem se destacar, e tem um quê de infantilidade se associarmos ao leite com drogas que os nadsat boys (nadsat é um vocabulário que mistura inglês com eslavo) bebiam.
Malcom McDowell foi a primeira e única opção de Kubrick para interpretar Alex pois se impressionou com sua atuação no filme “Se…”.

alex delarge
Malcom McDowell como Alex em Laranja Mecânica

Compartilhe!

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

2 comentários em “A primeira cor em Laranja Mecânica”

  1. Pingback: STANLEY KUBRICK – Veja onde assistir filmes do diretor – color my days

  2. Pingback: Laranja Mecânica — 2ª e 3ª partes – color my days

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected
Rolar para cima